02.07.2018 | 19h16

Por que ‘chamaram’ o Meirelles

“Quando o Meirelles disse que poderia se bancar, digamos que houve um desarmamento de espírito no MDB”, disse João Henrique Sousa, coordenador político de Henrique Meirelles, segundo informa a revista Época.

O partido decide se o ex-ministro será mesmo seu candidato à Presidência no final do mês. Até lá, Meirelles investe pesado na formação de equipe. A seu favor, pesa o fato de ele não ser investigado, em que pese seu 1% de intenção de votos, segundo pesquisa do CNI/Ibope.


VOLTAR PARA O ESTADÃO