08.04.2019 | 15h02

‘Polêmicas para provocar debate’

“O que fazer quando o presidente e o chanceler de seu país dizem, em Israel, que o nazismo foi um movimento de esquerda? O ideal é dar de ombros e seguir na vida cotidiana. Essas afirmações bombásticas são feitas para provocar debate. Não tenho tempo para ele”, diz artigo de Fernando Gabeira no Globo nesta segunda-feira, 8.

O colunista compara o comentário com o bate-boca que terminou com a audiência na CCJ da Câmara na última semana, quando o ministro da Economia, Paulo Guedes, respondia questionamentos sobre a reforma da Previdência. Gabeira diz que ambos os fatos se assemelham na tentativa de conformar os fatos às suas convicções ideológicas.


VOLTAR PARA O ESTADÃO