10.04.2018 | 14h01

Piada dos dois agentes da CIA em Porto Alegre

O ex-promotor da Operação Mãos Limpas, Antonio Di Pietro, que fundou seu próprio partido e depois virou parlamentar, gosta sempre de relembrar os infortúnios vividos no rastro da operação policial que mandou para a cadeia políticos e magistrados, nos anos 1990.  Nesta terça, 10, não foi diferente, durante sua passagem pelo Fórum da Liberdade, em Porto Alegre.

“Fui processado de ser agente do serviço secreto americano querendo derrubar o governo socialista. Cuspiram no meu rosto por fazer o meu dever. Tiveram algumas bombas também”. O mediador do debate aproveitou a deixa para brincar com o juiz Sérgio Moro, também presente. “É uma honra termos dois agentes secretos da CIA aqui hoje””, disse, segundo informa o repórter Pedro Venceslau, do Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO