27.09.2018 | 06h46

PF responde a Bolsonaro

A superintendência da Polícia Federal em Minas Gerais respondeu às insinuações feitas por Jair Bolsonaro de que a corporação teria agido para abafar motivações políticas no atentado sofrido contra ele em Juiz de Fora no último dia 6. O superintendente, delegado Rodrigo Teixeira, negou que o responsável pela investigação seja ligado ao PT e afirmou que a PF “não privilegia ninguém”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO