20.10.2018 | 15h48

PF abre investigação sobre fake news

A PF atendeu pedido da PGR e abriu um inquérito para apurar a distribuição de fake news no WhatsApp. O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, confirmou a abertura das investigações sobre esquemas profissionais de difamação sobre os presidenciáveis Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL) em seu Twitter. Segundo fontes à Coluna do Estadão, a apuração não deve ser demorada.


Mais conteúdo sobre:

Raul Jungmannwhatsappeleições
VOLTAR PARA O ESTADÃO