05.11.2018 | 17h29

Petistas em defesa de Amorim

As críticas do general Augusto Heleno, futuro ministro da Defesa, ao ex-chanceler Celso Amorim, pela iniciativa de buscar apoio político e diplomático no exterior para a campanha contra a prisão de Lula, despertaram a solidariedade dos petistas. Nem poderia ser diferente, considerando os serviços prestados por Amorim, que conseguiu aliciar diversos integrantes da esquerda internacional em favor do ex-presidente.

“Repudiamos os ataques do general Augusto Heleno e outros oficiais ao ex-chanceler Celso Amorim”, afirmou Gleisi Hoffmann, presidente do PT no Twitter.”O Ministro Celso Amorim defendeu a democracia, a Justiça para Lula, construiu uma política  externa de inserção soberana do país, foi intransigente na defesa dos interesses nacionais estratégicos e deu uma imensa projeção e respeito internacional ao Brasil”, disse o ex-ministro Aloizio Mercadante. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO