07.10.2018 | 08h49

Perfil: Fernando Haddad

A confirmação de que Fernando Haddad, 55 anos, seria o candidato do PT à Presidência veio por WhatsApp: no sábado, 4 de agosto, dia da convenção do PT que o apontaria, a presidente da sigla, Gleisi Hoffmann, recebeu pelo aplicativo de mensagem uma carta do ex-presidente Lula apontando seu sucessor. Só em 11 de setembro, no entanto, ele foi oficializado candidato.

A informação que abre o perfil de Haddad publicado pelo Estadão mostra como a decisão de Lula e a estratégia de retardar ao máximo a troca de candidato foi suficiente para guindá-lo ao segundo lugar nas pesquisas, mas também foi um entrave ao seu crescimento. Caso vá ao segundo turno, terá de superar essa influência para ampliar seus votos.


VOLTAR PARA O ESTADÃO