10.04.2018 | 18h29

PEN tenta adiar julgamento

O advogado Paulo Fernando Melo, constituído representante do PEN, afirmou que vai pedir ao ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello o adiamento da apreciação da liminar sobre a prisão após condenação em segunda instância, informa o Estadão.

“Estou pedindo, como novo advogado, o adiamento do julgamento já que fui constituído hoje como advogado e o julgamento está marcado para amanhã e, obviamente, preciso de tempo hábil para estudar o processo”, disse Melo.


Mais conteúdo sobre:

prisão em segunda instânciaPEN
VOLTAR PARA O ESTADÃO