10.10.2018 | 15h25

PDT já de olho em 2022

A cúpula do PDT está reunida nesta tarde de quarta, 10, para decidir seu futuro e sobre o apoio a Fernando Haddad após o presidenciável do partido, Ciro Gomes, ter sido eliminado da disputa presidencial.

A aliança com petistas é dada como certa, apesar vir com ressalvas em função das mágoas que Lula deixou dentro da legenda. Uma ideia parece ser consenso, no entanto: em 2022 estarão de volta. O presidente Carlos Lupi defende que Ciro lance um movimento por uma nova candidatura.


Mais conteúdo sobre:

Ciro GomeseleiçõesFernando Haddad
VOLTAR PARA O ESTADÃO