08.10.2018 | 14h42

PDT dará ‘apoio crítico’ a Haddad

O presidente do PDT, Carlos Lupi, disse nesta segunda-feira, 8, um dia após o primeiro turno das eleições, que o partido deve anunciar “apoio crítico” a Fernando Haddad (PT) na disputa contra Jair Bolsonaro (PSL) no segundo turno. O pedetista afirmou que o partido não quer cargo em nenhum lugar do próximo governo e que ninguém da sigla irá com o ex-capitão. “Quem apoiar Bolsonaro será punido”, prometeu.

Lupi disse ainda que está insistindo para que Ciro Gomes seja candidato à Presidência em 2022, “mas ele ainda não está convencido”, informou o Broadcast Político. Durante o primeiro turno, Ciro declarou que se não fosse eleito, esta seria sua última disputa eleitoral.


VOLTAR PARA O ESTADÃO