01.01.2019 | 18h59

Paulo Rabello: ‘Vazio de propostas objetivas’

Para o economista Paulo Rabello de Castro, em seus discursos de posse, Jair Bolsonaro foi fiel ao seu dito,  “antiPT”, mas também não apresentou “propostas objetivos”.

“Presidente Jair Bolsonaro foi 100% fiel ao discurso antiPT e antivermelho que o levou ao Planalto. Repetiu suas prioridades: não fugiu nada do seu papel antiLula. O País avançou na reversão do pêndulo político. Também foi fiel ao vazio de propostas objetivas para o jogo real”, avaliou Rabello. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

BolsonaroPaulo Rabello
VOLTAR PARA O ESTADÃO