16.07.2018 | 20h12

Partido de Bolsonaro preocupado com ‘fake news’

O presidente em exercício do PSL, Gustavo Bebianno, enviou um comunicado para os correligionários do partido com uma ordem: não espalhem fake news. Segundo a Folha, Bebianno avisou os membros do PSL para ter cuidado redobrado ao divulgar notícias. “As fake news podem ter graves implicações,  podendo gerar até mesmo a cassação do registro de candidatura, conforme diversas manifestações do TSE”, afirma.

No documento, enviado no dia 3 de julho, o dirigente da sigla que pretende lançar Jair Bolsonaro à Presidência da República recomenda que os filiados chequem a autenticidade das informações antes de divulgá-las em correntes ou nas redes sociais. “Já existem diversos processos em andamento na Justiça brasileira contra candidatos e partidos em função da divulgação e reprodução de notícias falsas”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO