20.09.2018 | 08h20

Paramos no tempo

“Há trinta anos vivíamos em uma encruzilhada: Collor ou Lula? Essa é mais uma coincidência dessa eleição com a de 1989, a primeira direta depois da redemocratização. Essa história já conhecemos, e termina mal”, escreveu Merval Pereira no Globo.

O colunista argumenta que o País está parado no tempo. Temos os mesmos personagens políticos e mesmos hábitos de décadas atrás. Merval dá destaque aos candidatos que lideram a eleição e afirma que ambos pertencem a campos antidemocráticos.


VOLTAR PARA O ESTADÃO