10.04.2018 | 11h29

Para Moro, Rosa e Barroso foram ‘eloquentes’

Os votos dos ministros Rosa Weber e Luís Roberto Barroso durante o julgamento do HC de Lula, pelo STF, na semana passada, foram considerados “eloquentes” pelo juiz Sérgio Moro, nesta manhã de terça, 10, em Porto Alegre. Os dois ministros do STF foram contra a tese da defesa do petista.

O polêmico voto de Rosa obedeceu a “princípios da colegialidade”. A jurisprudência, disse Moro, “não se muda ao sabor do acaso”. “A ministra apelou para valores extremamente importantes para a ética da magistratura”, completou.


Mais conteúdo sobre:

sergio mororosa weber
VOLTAR PARA O ESTADÃO