04.08.2018 | 15h02

A ‘viagem lisérgica’ do PT

Depois de ter dito que o PT não é seu “inimigo”, Ciro Gomes, candidato à Presidência pelo PDT, retomou as críticas aos petistas, aparentemente rejeitando qualquer possibilidade de ser o vice na chapa de Lula — hipótese levantada pela senadora Gleisi Hoffmann, presidente do PT, após conversa Lula na prisão, em Curitiba, na sexta-feira, 3.

“A cúpula do PT está numa viagem lisérgica. Com dor no coração, não espero mais nada do Partido dos Trabalhadores agora”, disse Ciro, de acordo com a Folha. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO