30.10.2018 | 15h05

Os sinais que vêm do Chile

O governo chileno tem servido de inspiração para os futuros integrantes do governo de Jair Bolsonaro.  O deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que chefiará a Casa Civil, já citou explicitamente o sistema previdenciário do Chile como um modelo interessante.

O próprio Bolsonaro já anunciou que sua primeira visita internacional será ao Chile, tamanha a sua proximidade com o presidente Sebastián Piñera. Na ligação que fez para cumprimentar Bolsonaro pela vitória, o dirigente chileno disse que conversou sobre várias agendas de interesse mútuo – e de complicada solução – como os termos do tratado de livre comércio entre os dois países e a obra da ferrovia Transoceânica, ligando os oceanos Atlântico e Pacífico. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

chileBolsonaro
VOLTAR PARA O ESTADÃO