24.05.2018 | 16h12

Oposição deita e rola

A crise dos combustíveis faz a oposição deitar e rolar. A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann (PT-PR), pede intervenção na Petrobrás.

Guilherme Boulos, presidenciável do PSOL, diz que se o presidente da estatal, Pedro Parente, “tiver vergonha na cara, tem que pedir para sair agora”. O pré-candidato Ciro Gomes (PDT) afirma que a alta dos combustíveis “é uma aberração”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO