05.08.2018 | 12h52

Opinião do Estadão: O preço das ineficiências

“O produto industrial brasileiro chega ao mercado internacional a um preço até 30% maior do que o de similares produzidos nos Estados Unidos ou na Alemanha. Embora seja excessivo, esse diferencial é bem menor do que o constatado em 2010, quando o produto nacional era até 44% mais caro do que o fabricado em outros países com os quais o Brasil compete.”

Trecho de editorial do Estadão deste domingo, 5.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO