15.08.2018 | 12h08

Opinião do Estadão: Bom senso como para-choque

“Com impactos no Brasil e em todo o mundo emergente, a crise turca deixará algum resultado positivo se mais pessoas, dentro e fora dos governos, passarem a defender políticas prudentes e voltadas para o longo prazo. A turbulência nos mercados, comentou o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, confirma a “absoluta necessidade” de avançar no programa de reformas estruturais.”

Trecho de editorial do Estadão desta quarta-feira, 15.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO