05.12.2018 | 18h26

‘Olha o tiro no pé, Bolsonaro’

Dizem que quem avisa, amigo é. Pois o senadora Simone Tebet (MDB-MT) mandou um avisou para o presidente eleito Jair Bolsonaro: respeite a proporcionalidade no Senado (que garante o direito da maior bancada indicar o presidente da Casa). Foi uma resposta a Flavio Bolsonaro, filho do presidente eleito, que deu a entender que irá buscar um nome da “nova safra” de senadores para disputar a Presidência do Senado.

“É um tiro no pé. É uma faca de dois gumes se dizer isso, dizer que não se respeita à proporcionalidade da maior bancada que veio das urnas. O povo elegeu o MDB como a maior bancada do Senado. Ao não advogar isso, está se advogando também que não existe proporcionalidade para as comissões”, disse. “(Isso) cria uma instabilidade democrática de governabilidade para o Poder Executivo porque você não tem regras. Em vez de discutir projetos relevantes, vamos ficar discutindo como compor bancadas, comissões, e vamos passar meses discutindo.”


Mais conteúdo sobre:

Simone TebetJair Bolsonarosenado
VOLTAR PARA O ESTADÃO