24.11.2018 | 07h22

OEA que trouxe novo ministro ao Brasil

Alvo de aliados de Jair Bolsonaro, a Organização dos Estados Americanos foi a responsável por trazer ao Brasil o mais novo membro do futuro governo: Ricardo Vélez-Rodríguez. O futuro ministro da Educação, que nasceu na Colômbia, chegou em terras tupiniquins em 1973 graças uma bolsa de estudos concedidas pela OEA, como mostra reportagem da Folha. Na reta final da campanha presidencial, o então presidente do PSL, Gustavo Bebianno disse que a organização tinha “zero credibilidade” por fazer críticas à divulgação de notícias falsas durante o pleito.


VOLTAR PARA O ESTADÃO