15.04.2018 | 12h41

O ‘trauma’ do PSB com Marina

O PSB já conta com o aumento da pressão por uma chapa que reúna Joaquim Barbosa e Marina Silva. Esta análise começou a pipocar tão logo o Datafolha mostrou os dois com bons índices.

Mas dirigentes da sigla lembram que isso pode aumentar a aversão à candidatura de Barbosa. Motivo: o trauma da relação conturbada com Marina em 2014, quando ela virou candidata após a morte de Eduardo Campos. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO