29.09.2018 | 11h38

O QG do bolsonarismo no WhatsApp

Uma poderosa máquina que ajuda a explicar a força da candidatura de Jair Bolsonaro são os grupos de WhatsApp criados para desmentir notícias da imprensa contra o candidato do PSL, distribuir vídeos favoráveis ao capitão e difundir fake news (como a falsa informação de que a Justiça Eleitoral já detectou fraudes concretas em eleições com urnas eletrônicas). Reportagem do El Pais monitorou três grandes grupos do gênero durante três semanas e mostra as estratégias utilizadas. Os grupos também são alvo de monitoramento de um estudo da UFMG.


VOLTAR PARA O ESTADÃO