12.07.2018 | 14h27

O ‘Prêmio Sérgio Moro’ de Lindbergh

Em sua fúria contra os magistrados que procuram cumprir a sua função, evitando que Lula tenha regalias vedadas a outros presos, o senador Lindbergh Farias, porta-voz da tropa de choque do PT, usou a sua página no Twitter para criticar a juíza Carolina Lebbos, que negou pedido do ex-presidente para participar de sabatinas, entrevistas e eventos eleitorais.

“A juíza Carolina Lebbos resolveu concorrer ao ‘prêmio Sergio Moro’ de ativismo de toga”, afirmou. “Primeiro, decidiu que Lula está inelegível, ignorando a competência do TSE de julgar a questão; depois, proibiu Lula de dar entrevistas, gravar vídeos, participar de videoconferências.” / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO