30.04.2018 | 10h05

O preço de apoiar o governo

A possibilidade de Henrique Meirelles e Geraldo Alckmin montarem uma chapa única implicaria na defesa do ‘legado’ de Temer pelo PSDB.

Cida Damasco, no Estadão, avalia qual o impacto desse discurso na candidatura da chapa. A colunista destaca que a população não reconhece a herança do governo Temer como favorável. Alckmin – ou qualquer outro candidato nessa posição – precisaria conciliar a defesa do legado com propostas concretas de mudança.


Mais conteúdo sobre:

Michel TemerPSDBMDB
VOLTAR PARA O ESTADÃO