15.04.2018 | 08h35

O inferno são os outros

A Lava Jato mudou o paradigma do combate à corrupção no Brasil, mas a forma como andam investigações contra Aécio Neves e  Geraldo Alckmin, ambos do PSDB, podem agravar a sensação de Justiça seletiva.

É sobre isso que discorre Miriam Leitão em sua coluna no Globo deste domingo. “Não se trata de compensação, mas de Justiça. Todos os suspeitos precisam ser investigados, todos os condenados precisam cumprir suas penas.”


VOLTAR PARA O ESTADÃO