14.09.2018 | 10h16

O general só ouve o ex-capitão

O general Hamilton Mourão (PRTB) disse aguardar decisão “somente de Bolsonaro” sobre a possibilidade de substituí-lo nos debates, informou a Coluna do Estadão. “A decisão tem de ser dele e de mais ninguém”, afirma. Mourão descarta ouvir a opinião da família e do PSL.
A possibilidade da presença de Mourão nos debates rachou a campanha. Uma ala avalia que a cadeira vazia reforça no eleitor o sentimento de dívida com o candidato esfaqueado.


VOLTAR PARA O ESTADÃO