O erro grosseiro de Haddad no português

26.08.2018 | 16h29

O erro grosseiro de Haddad no português

O petista Fernando Haddad, vice de Lula e seu provável substituto na disputa pelo Planalto, usou o seu perfil no Twitter para questionar mais uma vez o virtual impedimento de o ex-presidente participar da disputa.

Na publicação, porém, Haddad, que foi ministro da Educação nos governos Lula e Dilma, cometeu um erro grosseiro de português, ao escrever “caçar” em vez de “cassar”, e virou alvo de chacota nas redes sociais (veja abaixo). Depois, provavelmente envergonhado com o erro, ele apagou o post, mas aí já era tarde demais. Muitos internautas já haviam salvo a publicação, que viralizou. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO