12.10.2018 | 18h43

O desafio para a imprensa

O maior desafio para a imprensa na cobertura de governos de políticos como Donald Trump e Jair Bolsonaro é evitar reproduzir a tentativa de “normalização do comportamento extraordinário”. A opinião é de Kyle Pope, editor da Columbia Journalism Review, principal publicação sobre mídia nos EUA, que participa nesta segunda-feira do 2º Seminário Internacional de Jornalismo, promovido em São Paulo pela ESPM e pela Universidade Columbia (EUA).

Para Pope, que deu entrevista à Folha, Trump e Bolsonaro representam “um desafio” para os jornalistas, principalmente por se comunicarem diretamente com o público manifestando “falta de respeito pelas instituições democráticas, como a imprensa”.


Mais conteúdo sobre:

imprensaJair BolsonaroDonald Trump
VOLTAR PARA O ESTADÃO