17.08.2018 | 09h42

O ‘comportamento de presidente’ de Ciro

O explosivo Ciro Gomes tem segurado o temperamento, mas afirma que não vai chegar ao ponto de virar uma “lesma” ou uma “ameba”. Não quer se chamado de “picolé de chuchu”. Em entrevista ao jornal O Globo, o candidato disse que precisa se comportar como o “futuro presidente do Brasil”, reagindo a algumas provocações.

Na entrevista, Ciro ainda criticou o que chama de esquerda velha e afirma que essa posição está ajudando Bolsonaro. Preocupada com questões de costumes, como a descriminalização da maconha, Ciro afirma que essa parte do eleitorado está “completamente voando da agenda do povo”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO