04.04.2018 | 15h29

O ‘cala boca’ do PT em Dallagnol

Dois deputados do PT, Wadih Damous (RJ) e Paulo Pimenta (RS), líder do partido na Câmara dos Deputados, querem dar um “cala boca” no procurador Deltan Dallagnol, da força-tarefa da Lava Jato — em outras palavras, censurá-lo. Eles ingressaram com uma representação contra Dallagnol no Conselho Nacional do Ministério Público, por ferir o código de ética do MPF.

Segundo eles, Dallagnol infringiu o Código de Ética e de Conduta do Ministério Público ao publicar no Twitter que faria jejum nesta quarta-feira, 4, dia do julgamento do pedido de habeas corpus de Lula, “torcendo pelo País”. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO