23.07.2018 | 15h11

O ‘boicote’ de Amoêdo ao horário eleitoral

O Partido Novo, que é contra o financiamento de partidos políticos com dinheiro público e deverá dispor de apenas seis segundos na TV para passar sua mensagem ao eleitorado, quer que os brasileiros desliguem o aparelho na hora da propaganda eleitoral.


“Vamos mostrar que o nosso futuro não está à venda por alguns minutos de TV”, afirma João Amoêdo, pré-candidato do Novo à Presidência, em vídeo divulgado no Twitter, em referência ao acordo celebrado por Geraldo Alckmin com o Centrão, para ampliar o seu tempo de propaganda. “No horário eleitoral, desligue a sua televisão.” / José Fucs

VOLTAR PARA O ESTADÃO