21.10.2018 | 21h04

O ‘bico’ de Bolsonaro no Exército

O presidenciável Jair Bolsonaro, deputado federal e capitão reformado do Exército, vendia aproximadamente de 20 a 30 bolsas por semana usando paraquedas do quartel, nos anos 1980.

Bolsonaro disse ao UOL que se tratava de uma “venda informal” e que ganhava “menos de US$ 1 mil” por mês como militar à época, o equivalente a R$ 3.682 hoje, e usava o dinheiro para complementar a renda. Ele chegou a ser advertido por isso, de acordo com a reportagem, fato que foi registrado em um processo no Superior Tribunal Militar (STM) a que ele respondeu. / J.F


VOLTAR PARA O ESTADÃO