19.08.2018 | 13h38

Novas consequências no caso Wal?

Mesmo depois da demissão de Walderice Santos da Conceição, Jair Bolsonaro não sei livrou do caso Wal. Segundo o jornal O Globo, o Ministério Público Federal estuda abrir uma nova investigação contra o candidato por suspeita de improbidade administrativa na contratação de Wal, apontada pela Folha como funcionária fantasma.

A Procuradoria da República no DF recebeu uma denúncia anônima sobre o caso e gerou notícia de fato, uma das etapa iniciais de investigação no MPF. Se a investigação for aceita e as suspeitas confirmadas, o MPF pode entrar com uma ação de improbidade contra o presidenciável, que prevê penas como multa e a perda dos direitos políticos, explica o jornal.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO