01.02.2019 | 21h45

No Senado, ninguém confia em ninguém

A busca por um acordo para dar seguimento à eleição no Senado esbarra no seguinte impasse: Davi Alcolumbre se recusa a passar o comando da sessão se não tiver a garantia de que será mantida a votação que definiu que a escolha do próximo presidente será de forma aberta. E os adversários de Alcolumbre se recusam a dar essa garantia.

No novo Senado, ninguém confia em ninguém. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

senado Davi Alcolumbre
VOLTAR PARA O ESTADÃO