03.07.2018 | 18h38

Nem um centavo para Meirelles

Com Henrique Meirelles prometendo bancar a campanha presidencial do próprio bolso, o MDB definiu nesta terça-feira, 3, como será a divisão da verba do fundo partidário. Com R$ 234 milhões à disposição, o partido decidiu que senadores com mandato terão direito a R$ 2 milhões cada e deputados, R$ 1,5 milhão. As candidatas mulheres do partido, que obrigatoriamente têm uma cota de 30%, ficam com R$ 69,6 milhões.

Sobram R$ 54 milhões, que serão divididos, segundo o MDB, por “critérios de distribuição previstos no Estatuto”. Para Meirelles, nem um centavo.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO