04.08.2018 | 10h19

Nada de decotes no TST

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho, João Batista Brito Pereira, parece estar preocupado com as roupas dos frequentadores da Corte. Reportagem da Coluna do Estadão mostra que o ministro baixou uma portaria com regras de vestimenta: Estão vedados calças colantes, minissaias, transparências e decotes, calças jeans rasgadas, shorts, bermudas, sandálias rasteirinhas, dentre outras recomendações, sempre separadas por sexo e cargo.


Mais conteúdo sobre:

tst
VOLTAR PARA O ESTADÃO