24.02.2019 | 15h29

Mudança de estratégia para ajuda humanitária

A reunião do Grupo de Lima que acontece nesta segunda-feira deve reavaliar a estratégia para que a ajuda humanitária chegue à população venezuelana após as tropas de Nicolás Maduro impedirem os caminhões de cruzarem a fronteira no último sábado. De acordo com o Broadcast Político, o deputado opositor Luis Silva disse que após as conversas surgirá um novo procedimento para ser adotado. Ele também avisou que Juan Guaidó pedirá ao presidente Jair Bolsonaro para que a ajuda humanitária que está estocada em Boa Vista seja levada à fronteira.

“O presidente Jair Bolsonaro já fez muito por nós e pedimos que faça um pouco mais”, afirmou. “Queremos a ajuda humanitária o mais perto possível (da Venezuela)”, disse.  O vice-presidente Hamilton Mourão e o chanceler Ernesto Araújo participarão do encontro.


Mais conteúdo sobre:

VenezuelaGrupo de Lima
VOLTAR PARA O ESTADÃO