28.02.2019 | 13h01

MP da era FHC é ‘trauma’ para militares

O debate sobre o regime previdenciário especial a militares esbarra no “trauma” do meio com a MP 2215/01, que retirou benefícios de militares na gestão do ex-presidente FHC. Em entrevista à Globonews, na noite de quarta, 27, o vice Hamilton Mourão resgatou o desconforto gerado com a norma desde então para desenrolar que é preciso “voltar o filme” na mesa de negociação hoje com o Ministério da Economia sobre o futuro das aposentadorias aos militares.

Questionado se há algum tema inegociável na reforma para as Forças, Mourão disse que “não”, ressalvando que, no entanto, “existem dois institutos que são a integralidade (último salário da carreira) e a paridade (mesmo reajuste dos ativos) porque nós já sofremos isso no passado”. Um dia após assumir o cargo, o presidente Jair Bolsonaro defendeu a revogação da MP.


Mais conteúdo sobre:

previdênciaMilitaresMourão
VOLTAR PARA O ESTADÃO