25.05.2018 | 18h20

Moro questiona greve

No despacho em que justifica sua decisão pelo adiamento da audiência sobre o sítio de Atibaia, o juiz Sergio Moro aproveitou para dar seu pitaco sobre a greve dos caminhoneiros. Apesar de dizer que se trata de “pauta de reivindicação legítima” da categoria, ele critica o “prolongamento excessivo” e o “questionável bloqueio de rodovias”.

“O prolongamento excessivo da paralisação e que inclui o questionável bloqueio de rodovias tem gerado sérios problemas para a população em geral, com prejuízos principalmente para o abastecimento de alimentos e de combustíveis nas cidades”, escreveu.

Confira o despacho do juiz Moro:

VOLTAR PARA O ESTADÃO