02.01.2019 | 11h03

Moro alfineta PT por Battisti

Em seu discurso, Sérgio Moro deu uma alfinetada no PT por conta da permanência do terrorista Cesare Battisti durante 8 anos após a aprovação de sua extradição no Brasil.

Disse que nesta gestão, o Brasil não vai deixar de selar e honrar acordos de cooperação internacional e não vai se recusar a colaborar com países “exclusivamente por questões político-partidárias”. “O Brasil não será um porto seguro para criminosos e jamais novamente negará cooperação a quem solicitar por motivos político-partidários”, afirmou. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO