28.04.2018 | 19h38

Ministrocracia suprema

Os ministros do STF têm abusado de decisões monocráticas, quando deveria prevalecer a colegialidade. O fenômeno, batizado de “ministrocracia”, é avalisado por Oscar Vilhena em sua coluna na Folha.

“Bons juízes e juízas testam suas intuições antes de colocá-las em prática, a partir de uma série de parâmetros estabelecidos pela lei e por precedentes. Maus juízes apenas cozinham retoricamente argumentos voltados a camuflar suas inclinações”, escreve.


VOLTAR PARA O ESTADÃO