29.08.2018 | 08h35

Ministérios na mira

Ministros tentam mostrar trabalho e começam a preparar relatórios para mostrar a importância de suas pastas, por temerem as promessas de redução no número de ministérios feitas pelos presidenciáveis, segundo a Coluna do Estadão. Jair Bolsonaro (PSL) promete unir o Planejamento com a Fazenda e acabar com o Ministério da Segurança Pública. João Amoêdo (Novo) fala em unir os Ministérios da Cultura, Esporte e Educação. Geraldo Alckmin (PSDB) pretende excluir 10 das 29 pastas atuais.


Mais conteúdo sobre:

ministériospropostas
VOLTAR PARA O ESTADÃO