17.03.2018 | 09h43

Mensagens mostram atuação do coronel Lima no porto de Santos

Mensagens encontradas no celular do coronel João Baptista Lima Filho, amigo e ex-faz-tudo do presidente Michel Temer, mostram que ele atuou como intermediário entre um dos principais grupos empresariais que atuam no porto de Santos, o Libra, e o emedebista. As mensagens foram obtidas pela Veja, e estampam reportagem da última edição da revista.

O coronel Lima teve os sigilos quebrados no inquérito do STF que investiga se Temer favoreceu empresas do setor com a edição do decreto dos portos. A reportagem não mostra se Lima conseguiu, afinal, marcar audiências para Gonçalo Torrealba, do Grupo Libra, com Edinho Araújo, secretário de Portos e aliado político de Temer. /V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO