28.07.2018 | 08h03

‘Marqueteiros outsiders’

Os pré-candidatos parecem mais econômicos neste ano quando o assunto é propaganda. Segundo O Globo, boa parte deles escolheu marqueteiros que cobram (um pouco) menos para as eleições de 2018. Nomes como João Santana, que está em prisão domiciliar, e Duda Mendonça, que admitiu ter recebido dinheiro de caixa 2, ou mesmo Paulo Vasconcelos, acusado também de movimentar caixa 2, estão fora das campanhas deste ano.

Mesmo assim, os valores gastos com propaganda ainda devem ficar na casa dos milhões para alguns candidatos. A reportagem destrincha as escolhas de alguns deles.


VOLTAR PARA O ESTADÃO