14.11.2018 | 17h47

Marina não perde a chance de bater em Bolsonaro

Marina Silva, que após a derrota nas eleições enveredou para a carreira de comentarista do governo Bolsonaro nas redes sociais, não perdeu a chance de criticar o presidente pela polêmica criada com Cuba, que decidiu retirar os cubanos do programa Mais Médicos.


“A visão de política externa do presidente eleito continua produzindo desentendimentos e efeitos negativos, mesmo antes de assumir efetivamente, vide os ruídos recentes com a China, Noruega, Mercosul e agora Cuba”, disse a ex-ministra.

VOLTAR PARA O ESTADÃO