03.11.2018 | 12h32

Marina e o risco para a Amazônia

Marina Silva, que disputou as três últimas eleições presidenciais, demonstrou todo o seu temor pela política ambiental que o governo de Jair Bolsonaro poderá adotar. Em entrevista a Morris Kachani, no Estadão, ela diz que “a Amazônia, com certeza, corre risco”.

A ex-ministra do Meio Ambiente acrescentou que teme pelo que virá a partir da posse de Bolsonaro. “Você já começa com uma agenda que vai comprometer o trabalho de décadas de gerações de ambientalistas, de sucessivos governos, ameaçando a demarcação das terras dos índios, ameaçando os quilombolas e as populações tradicionais. Como ter esperança em um governo como esse? Como ter esperança em quem diz que vai acabar com tudo que foi conquistado ao longo de décadas nesse país, inclusive durante os governos da ditadura”, afirmou.

 

 

Mais conteúdo sobre:

Marina
VOLTAR PARA O ESTADÃO