18.08.2018 | 00h04

Marina é a primeira a peitar Bolsonaro

Candidatos estavam cheios de dedos sobre como confrontar Jair Bolsonaro. Desde o debate da Band. Escrevi sobre isso na minha coluna do Estadão ainda antes do debate: o cálculo da preparação de marqueteiros para os principais candidatos demonstrava que confrontar Bolsonaro favorecia o candidato do PSL.

Marina ignorou as estratégias de marketing e, olhando nos olhos do deputado, o contrapôs sobre salários menores para mulheres e depois sobre sua política de armar a população. Ele ficou desconcertado e ensaiou uma resposta agressiva a ela, da qual recuou no meio. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO