29.10.2018 | 13h01

Marielle ‘persegue’ Witzel

O governador eleito do Rio, Wilson Witzel (PSC), foi à Central do Brasil agradecer aos eleitores pela vitória, mas se deparou com a mancha do assassinato de Marielle Franco ainda não solucionado. Uma placa semelhante à que foi destruída pelo então candidato a deputado estadual (eleito) Rodrigo Amorim (PSL) foi levantada durante a coletiva. A propósito, Witzel estava ao lado de Amorim no dia da performance da destruição da placa.

Sem citar a placa, ao falar sobre o convívio com a esquerda no Estado, afirmou: “Eu sou governador eleito do Estado do Rio. Vou governar para todos. A maioria governa”.


Mais conteúdo sobre:

Wilson WitzelMarielle Franco
VOLTAR PARA O ESTADÃO