12.08.2019 | 16h50

Maia promete mudar salário de R$ 30 mil de deputados

Em evento promovido pelo banco Santander Brasil nesta segunda-feira, 12, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que trabalhará para mudar o salário médio de R$ 30 mil dos deputados federais, como alternativa para diminuir os gastos públicos. O presidente da Câmara prometeu que encaminhará sua sugestão ao Congresso, e que iniciará o debate sobre a pauta no segundo semestre. “A administração pública custa 67% a mais que o setor privado. Nos Estados, a média é 30% maior. Não podemos ter salário médio de R$ 30 mil na Câmara dos Deputados”, disse, segundo o Broadcast Político.

Maia também aconselhou o servidor público que deseja ganhar o mesmo salário que ganharia no setor privado a “mudar de lado”. Segundo o presidente da Casa, a estabilidade do setor público não pode vir acompanhada de um salário da iniciativa privada. “Os servidores têm direito adquirido. Não vamos olhar para trás, mas para frente, para reorganizar a máquina para que quando tenhamos de contratar novos servidores já tenhamos uma outra estrutura”. Maia também disse que espera que o STF tome medidas semelhantes.


VOLTAR PARA O ESTADÃO